A falta que a falta faz


Todo mundo, em algum momento da vida, sente falta de algo. Pode ser de uma pessoa, de uma lembrança, de alguma coisa. Uns sentem falta de ter tido a presença paterna na infância, alguns de serem aceitos em determinado grupo, outros de terem aproveitado melhor os momentos ao lado de alguém especial que se foi. Lidar com a falta não é fácil. Normalmente nós queremos preencher ela com coisas, com situações, com pessoas, com novas sensações. A questão é: qual é a falta que você tenta preencher e mal sabe o porquê?


Refletindo sobre o meu futuro esses dias, cheguei a uma conclusão que me levou a escrever esse texto. A enorme falta que Jesus faz nas nossas vidas. Essa falta é uma lacuna em nossos corações e, muitas vezes, não nos damos conta que a sentimos. Elegemos prioridades nas nossas vidas e vamos “tocando o barco”, como diz a expressão popular. Essa falta é tão profunda, está tão no nosso íntimo, que mal sabemos como preenchê-la. Ela é tão intensa que parece ter vindo no nosso código genético. Teria Deus colocado essa falta propositalmente? Ou será que já tivemos contato com algo tão incrível para termos esse vazio?


Em Gálatas 5, Paulo descreve a liberdade que encontramos no amor de Cristo e destaca a nossa dificuldade na luta entre carne e espírito:


“Pois a carne deseja o que é contrário ao Espírito; e o Espírito, o que é contrário à carne. Eles estão em conflito um com o outro, de modo que vocês não fazem o que desejam”. (Gálatas 5:17)


Além disso, as obras produzidas quando satisfazemos a nossa própria vontade - as vontades essencialmente humanas - levam-nos a um caminho oposto aos frutos do Espírito, levam-nos a um caminho que sempre vai faltar algo. Mas que falta é essa, afinal?


Falta do amor de Cristo em nossas vidas.


Estamos o tempo todo em busca de dar significado à vida e às coisas, em procurar satisfação. Esses são reflexos de uma profunda fome espiritual, que só a face de Deus e a sua graça podem saciá-la. A escolha diária cabe a nós, saciarmos a nós mesmos ou nos submetermos ao amor de Deus e ao seu Senhorio, encontrando nele abundância.

Devemos pedir ao Senhor Deus que toda carência seja preenchida com o seu amor para que não tenhamos falta de nos sentirmos amados por outros. Devemos pedir ao Senhor que Ele nos supra com a sua aprovação para que não precisemos esperar por mais curtidas numa foto.


Devemos pedir ao Senhor Deus para que sejamos afirmados pelas palavras Dele a respeito de quem nós somos para não procurarmos por mentiras que podem, provisoriamente, fazer com que nos sentimos aceitos. Devemos pedir ao Senhor para que Ele nos conceda a graça em poder e querer desejá-lo todos os dias e preencher nossos corações com os frutos do Seu Espírito.


“Pois é mediante o Espírito que nós aguardamos pela fé a justiça que é a nossa esperança”. (Gálatas 5:5)


Seja qual for a sua, preencha a falta que a falta faz com o amor de Jesus.


Por Letícia Strehl

848 visualizações1 comentário

© GAROTAS PEREGRINAS since 2018

Designed by Mariana Baroni

  • Preto Ícone Spotify
  • Black Facebook Icon
  • Black YouTube Icon
  • Black Instagram Icon