QUEIMAR COM ENTENDIMENTO



Estamos vivendo em um tempo onde valores deturpados são colocados diante de nós todos os dias. A internet é um espaço democrático (e isso é bom, mas também perigoso). Como todos falam e muitos ouvem, essa geração corre um sério risco, porque a voz de Deus não é a voz do povo, e muitos ministros tem deixado sua própria voz soar mais alto do que a do Mestre.


Pregações no Instagram, milhares de vídeos no Youtube, textos, revelações, cultos cada vez mais modernos, canções inéditas saindo todas as semanas, ou seja, estamos abastecidos dessa “comida espiritual” farta em nossa geração. Mas, pense comigo, a comida pronta tem nos acomodado e nos feito preguiçosos quando o assunto é procurar o Senhor. Poucos buscam da fonte, se contentando com o pão feito por mediadores. Nós mesmos construímos muros e costuramos o véu que há muito tempo foi rasgado. Colocamos Moisés para ir em nosso lugar e não subimos ao monte para encontrar o Senhor (Êxodo 20:19).

Pra quê buscar na Bíblia se é só digitar um tema no Google e, em segundos, uma palavra prontinha pra você.


Nossas bíblias estão empoeiradas e somos uma geração rasa nas escrituras e “profunda” no discipulado online. Qualquer pessoa pode falar qualquer coisa acerca de Jesus e facilmente nos enganar e isso tem nos levado a um evangelho deturpado e distante daquilo que de fato ele é: renúncia, entrega, transformação e o ‘não’ a si mesmo.

Mas como não conhecemos a palavra somos levados por sofismas e dogmas humanos que nos fazem cada vez mais diferentes de quem Cristo é. “O meu povo está sendo destruído, porque lhe falta o conhecimento...’’ (Oseias 4:6).


Por não conhecermos a Sua perfeita lei, somos levados por ondas de fé, nos contentamos com revelações de quem Jesus é de outras pessoas, e tudo bem se temos visto Cristo apenas pelos olhos dos outros sem nunca temos tido de fato o vislumbre pessoal de sua beleza. Acomodados e sem paixão. Não temos o anseio de Jó, estamos satisfeitos apenas pelo ouvir falar.


“Antes eu te conhecia só por ouvir falar, mas agora eu te vejo com os meus próprios olhos” (Jó 42:5).


A palavra revela quem Deus é. Mergulhando nas suas escrituras, podemos conhecê-lo. Sua palavra é luz (Sl119:105), é direção para a caminhada, ela nos ensina a sermos parecidos com Ele, nos mostra como Ele fez e nos diz como fazer, nos fala de amor e do futuro preparado para nós. Quanto amor nos foi dado! Você consegue ver? Um pai que deixou um livro de cartas para que seus filhos não se perdessem no caminho até encontra-lo.

Não uma obrigação, mas um prazer, um momento de deleite, como ler uma carta de amor destinada a você.


Te encorajo a mergulhar na palavra, peregrina, a ir buscar da fonte, sem terceiros, só você e Ele. Eu te asseguro que ela te manterá de pé nos momentos difíceis. Será a sua bússola, um alicerce que te deixa firmada em verdades eternas e imutáveis. Deixe que esse livro crie raízes em você, permita que o conhecimento de Deus te transforme para sempre.


Por Marjorie Aleixo


756 visualizações

© GAROTAS PEREGRINAS since 2018

Designed by Mariana Baroni

  • Preto Ícone Spotify
  • Black Facebook Icon
  • Black YouTube Icon
  • Black Instagram Icon